Buscar

FIEG e FTIEG firmam CCT emergencial para flexibilização de regras trabalhistas durante lockdown



A Federação das Indústrias do Estado de Goiás (FIEG) e a Federação dos Trabalhadores na Indústria nos Estados de Goiás, Tocantins e Distrito Federal (FTIEG) firmaram quinta-feira (11/03) Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) emergencial com objetivo de minimizar os impactos decorrentes do lockdown. As medidas preveem possibilidade de flexibilização de regras trabalhistas e buscam preservar empregos nas indústrias da base inorganizada.

De acordo com a assessora jurídica da Fieg, Lorena Blanco, a celebração da CCT caracteriza vantagem para ambas partes, na medida que auxilia as empresas nesse momento de insegurança no ambiente de negócios.


Dentre as medidas, estão previstas: - Suspensão do trabalho com pagamento de salário com caráter indenizatório; - Possibilidade de redução da jornada e salário em até 30%; - Possibilidade de antecipação de férias e pagamento parcelado das férias em 02 parcelas; - Possibilidade de antecipação de feriados; - Possibilidade de parcelamento da rescisão do contrato em 04 parcelas; - Possibilidade de alteração de função e flexibilidade de horários.

Confira aqui íntegra do documento.

4 visualizações0 comentário